Tornando o Preço do Filhote Ótimo para Cliente

Informando o Preço do Filhote

Informar o preço do filhote pode ser frustrante e provocar a corrida do interessado, sem mesmo dizer obrigado! Entretanto existe formas de informar o preço ao cliente que pode fazer como que ele não fuja.

Como já falamos anteriormente, é muito importante que o criador tenha o seu script de venda bem montado. Esse script irá permitir conhecer melhor o interessado e verificar se possui o devido perfil desejado.

Preço x Valor

Existe uma diferença muito grande entre valor e preço. Valor é a percepção que a pessoa tem de um determinado produto ou serviço e Preço é o valor monetário solicitado por esse produto ou serviço.

Toda vez que o preço for menor ou igual ao valor percebido, as chances da realização de um negócio aumentam muito.

Logo, o primeiro passo de um bom criador é criar a percepção de valor de seu filhotes e não pelos custos que o criador tem e sim pelos benefícios em adquirir um dos seus filhotes (Saúde, Beleza, Temperamento, Assistência, etc). Uma vez criada essa percepção, o preço dificilmente será um problema.

Fugindo do Preço do Filhote

Alguns interessados possuem uma percepção de valor um pouco menor do preço pedido pelo criador. Quando isso acontece, as técnicas de valor que são amplamente utilizadas podem ser aplicadas.

Uma das formas pouco recomendadas é informar o valor direto. Essa forma tende a causar choque na maioria das pessoas. Por exemplo, uma pessoa tem uma expectativa que o filhote seja 2 mil e de repente o criador fala em 4 mil! Isso irá causar um choque e fará com que ele corra rápido.

Criando Produtos e Serviços

Uma das formas que se pode utilizar é criar opção para o cliente. Uma forma comum entre os criadores de cães é o filhote show e pet, por exemplo. (Veja o que falamos sobre isso). A diferença entre os dois pode ser a garantia dada pelo criador de que o animal será um animal capaz de obter títulos de beleza nas exposições até um determinado tempo.

Outros serviços podem ser ofertados, como cursos online, brindes, participação em expos, etc. Dessa forma você pode criar um produto mais caro e que você sabe que dificilmente irá vender.

No exemplo, ao responder para o interessado, poderá ser: filhote show 6 mil e filhote companhia 4 mil… dessa forma o filhote de 4 mil ficou barato! O choque será trocado pela curiosidade, aí você pode explicar a diferença entre os dois.

Parcelado e À vista

Outra forma de falar o preço é dizer o valor do parcelamento máximo que você aceita! Dessa forma o valor total fica oculto e você pode falar outra palavra importante: “desconto”. Por exemplo: o Valor é 12 vezes de 375, mas se pagar a vista tem um desconto! Se a pessoa perguntar, fale: o desconto é de 500 reais, ficando só 4 mil a vista.

Colocar palavras como “Só”, “Desconto”, “Ganha”, traz sensações boas para as pessoas. Por outro lado colocar palavras como “a Mais”, “Adiciona”, “Acrescenta”, ou mesmo o R$ não são recomendados. Mas se for necessário, tente apresentar a vantagem ao interessado.

Mãos a Obra!

Com essas dicas, o interessado pode até não comprar, mas ele não vai sair correndo quando você anunciar o preço de seu filhote. Ele poderá até voltar em um futuro próximo mais preparado financeiramente em busca dos benefícios que você oferta!

Não se esqueça que o momento em que você está passando o preço, o interessado já deve ter visto ótimas informações e você já deve saber se o cliente é do perfil que você deseja. Conheça nossas dicas para ajudar na venda dos filhote.

Eduardo Antunes

CEO do SistemaPET, Criador desde 1997. Bacharel de TI pela UFPEL 1998. Especialista em Marketing Digital.