Revenda de Cães, Vale a Pena?

A revenda de cães é uma atividade praticada por muitas pessoas que não tem necessariamente um plantel, querem ajudar seus amigos criadores a vender os filhotes em troca de uma comissão ou querem colocar os filhotes como uma opção a mais na sua loja. Será que essa prática vale a pena?

Desafios na Revenda

O maior desafio da revenda de cães é a dependência de terceiros. Quando um criador está sem filhotes, pode demorar para ter de novo, então o revendedor tem que procurar outra parceria para vender pois o revendedor precisa ganhar dinheiro.

Atrelado a isso, qualquer problema que o filhote venha a apresentar, o revendedor estará na linha de frente da responsabilidade.
Sem contar também, que muitas revendas realizam vendas sem a assinatura de contratos ou emissão de documentos fiscais.

Os Benefícios

Mas no contraponto, há muitos benefícios nessa prática. Um exemplo é o custo zero com plantel, algumas preocupações rotineiras como os partos, acasalamentos ou inseminações e perdas de ninhadas não se fazem presente. Além disso, não existem custos adicionais com veterinário, vermífugos e outros, economizando tempo e dinheiro.

O foco da revenda se torna exclusivamente o marketing e vendas. Dessa forma os criadores se preocupam com a manutenção do plantel, planejamento de ninhadas, etc. O manejo em geral.

Resistência

Uma revenda de Cães geralmente não são muito bem vistas por muitos criadores, pois de uma forma geral elas não tem uma conexão muito forte com o filhote e o objetivo se torna claramente a comercialização dos animais.

Infelizmente muitas revendas não tem as condições adequadas para os filhotes, por outro lado eles tendem a ficar pouco tempo, pois a quantidade de vendas é maior o dificilmente o filhote passa várias semanas no local.

Entretanto, existem muitas revendas que atendem a requisitos de bem estar. Propiciam aos filhotes um local confortável e saudável e pode ser uma boa opção para os criadores que não gostam do processo de marketing e venda.

Conclusão

Em suma, se você deseja trabalhar com cães, mas não tem poder monetário pra investir em um plantel, pode ser uma boa ideia para você. Mas lembre-se que deverá investir em marketing e vendas.

Porém, se tiver condições, a criação é algo considerável, pois estruturar o plantel e aperfeiçoar a raça é extremamente prazeroso.

Eduardo Antunes

CEO do SistemaPET, Criador desde 1997. Bacharel de TI pela UFPEL 1998. Especialista em Marketing Digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *